Página 1 de 4 123 ... ÚltimoÚltimo
Resultados 1 a 10 de 32

Tópico: Técnicas off road para viajantes normais com garupa e bagagem!

Hybrid View

  1. #1
    Piloto Nível 4
    Avatar de MarcioT
    Data de Ingresso
    Feb 2014
    Nome Real
    Marcio
    Localização
    Curitiba
    Moto
    Bmw F800GS
    Posts
    927
    Post Thanks / Like
    Peso da Avaliação
    6

    Técnicas off road para viajantes normais com garupa e bagagem!

    Consideração inicial, algo que não acho legal é encontrar motociclistas que rotulam outros, e se vc tem uma big trail e não chafurda ela na primeira lama ou cova que encontrar e não faz off radical então vc é ......
    Tenho minha moto F800 por varias razões, entre elas a que gosto muito é "poder ir onde quiser" quando estou viajando. Esta é a premissa.
    Porém quando estou viajando, 99% das vezes estou com minha mulher na garupa e bagagem. Aí minha premissa começa a ter problemas.
    Ando de moto há muito tempo e me viro bem para meus padrões, vejo filmes de como levantar estas motos (sempre no chão plano e aderente, Rs), vejo muitas discussões sobre desligar ou não o ABS e filmes mostrando como andar no off de pé (sem garupa é claro e tão pouco com bagagem), mas tudo isso não faz parte da minha vida motociclistica. Pois bem, como os colegas se viram quando estão seguindo numa estradinha com garupa, bagagem piso com terra solta, pedras e precisam encarar uma grande decida / subida / se a moto cai numa decida com a frente apontando para baixo etc, etc. Quais as técnicas, os colegas usam para seguir em frente? (Acho que inclusive, nem os cursos off road a R$ 1,5 k por fim de semana prevêem isso)!

  2. #2
    Piloto Nível 4
    Avatar de Henri
    Data de Ingresso
    Feb 2013
    Nome Real
    Henrique
    Localização
    Brasília
    Moto
    F800 GS 3Black
    Posts
    633
    Post Thanks / Like
    Peso da Avaliação
    7
    Márcio,
    A sua dúvida é a mesma de muitos colegas do fórum.
    Creio que a prática faz a perfeição (ou quase).E essa se obtém com o tempo e com a ...prática.
    No intervalo entre minhas viagens internacionais (> 10k,a cada 18 ou 24 meses), faço algumas nacionais, de 1 a 3 k, para manter a forma e prática, incluindo trechos off, semelhantes aos das mais longas.
    Viajo sempre solo, e a patroa às vezes vai me encontrar de avião, geralmente em lugares interessantes. Na minha experiência, é mais seguro.
    Além disso, uso a moto todos os dias, mas em distâncias curtas.
    Essa rotina, apesar de não ser a ideal, me ajudou em varias situações adversas.
    Abs,

    35943E09-8DDA-47B5-A0F5-4C0B8B437EF2.jpeg
    Última edição por Henri; 12-03-2018 às 23:13.
    We must be willing to get rid of the life we’ve planned, so as to have the life that is waiting for us. —JOSEPH CAMPBELL

  3. #3
    Piloto Nível 4
    Avatar de MarcioT
    Data de Ingresso
    Feb 2014
    Nome Real
    Marcio
    Localização
    Curitiba
    Moto
    Bmw F800GS
    Posts
    927
    Post Thanks / Like
    Peso da Avaliação
    6
    Citação Postado originalmente por Henri Ver Post
    Márcio,
    A sua dúvida é a mesma de muitos colegas do fórum.
    Creio que a prática faz a perfeição (ou quase).E essa se obtém com o tempo e com a ...prática.
    No intervalo entre minhas viagens internacionais (> 10k,a cada 18 ou 24 meses), faço algumas nacionais, de 1 a 3 k, para manter a forma e prática, incluindo trechos off, semelhantes aos das mais longas.
    Viajo sempre solo, e a patroa às vezes vai me encontrar de avião, geralmente em lugares interessantes. Na minha experiência, é mais seguro.
    Além disso, uso a moto todos os dias, mas em distâncias curtas.
    Essa rotina, apesar de não ser a ideal, me ajudou em varias situações adversas.
    Abs,

    35943E09-8DDA-47B5-A0F5-4C0B8B437EF2.jpeg
    Henri, concordo que a prática leva a quase perfeição, mas como isso pode as vezes ser dolorido no corpo e no bolso, (kkkk), acabo provocando estas discussões para agregar um pouco de técnica para tentar cortar caminho. Também faço muitas viagens longas ou não, mas sempre nas condições que mencionei, garupa e bagagem, por isso as técnicas usualmente propagadas não atendem necessariamente aquilo que para mim é rotina.
    Ví sua viagem pela R40, parabéns!

  4. #4
    Piloto Nível 1
    Data de Ingresso
    Apr 2018
    Nome Real
    luis felipe ximenes nogueira
    Localização
    brasil
    Moto
    r 1200 gsa
    Posts
    22
    Post Thanks / Like
    Peso da Avaliação
    0
    boa noite amigo, fale uns destinos que fez assim com a sua esposa? acho que será o modelo de viagem que mais se adaptará a minha patroa...
    Citação Postado originalmente por Henri Ver Post
    Márcio,
    A sua dúvida é a mesma de muitos colegas do fórum.
    Creio que a prática faz a perfeição (ou quase).E essa se obtém com o tempo e com a ...prática.
    No intervalo entre minhas viagens internacionais (> 10k,a cada 18 ou 24 meses), faço algumas nacionais, de 1 a 3 k, para manter a forma e prática, incluindo trechos off, semelhantes aos das mais longas.
    Viajo sempre solo, e a patroa às vezes vai me encontrar de avião, geralmente em lugares interessantes. Na minha experiência, é mais seguro.
    Além disso, uso a moto todos os dias, mas em distâncias curtas.
    Essa rotina, apesar de não ser a ideal, me ajudou em varias situações adversas.
    Abs,

    35943E09-8DDA-47B5-A0F5-4C0B8B437EF2.jpeg

  5. #5
    Piloto Nível 5


    Data de Ingresso
    Jul 2014
    Nome Real
    Luiz Claudio Cerqueira da Silva
    Localização
    são bernardo do campo - SP
    Moto
    gs 1200 R
    Posts
    1.218
    Post Thanks / Like
    Peso da Avaliação
    11
    Marcio,

    no caso de tombamento da moto, teu problema seria muito mais facilmente contornado se pudesse estar acompanhado de outro/s amigos/s. Na hora do sufoco, duas mãozinhas a mais fazem uma grande diferença. Dependendo da encrenca, umas quatro a mais...experiência própria esta última!!

    Já a pilotagem acho que é por a esposa na garupa e práticar nas condições adversas até ganharem confiança. Também podem num trecho curto descer da moto e tentar passar o perrengue desmontado...às vezes é mais seguro.

    Na descida, por exemplo, pode desligar a moto, engatar primeira e vai escorregando a moto para baixo segurando na embreagem e um pouco do freio dianteiro.

    No fim, tudo é antecipação do problema. É tentar praticar antes para na hora tomar a melhor decisão.

    Abração...boas viagens com tua esposa!!
    Luiz

  6. #6
    Piloto Nível 4
    Avatar de MarcioT
    Data de Ingresso
    Feb 2014
    Nome Real
    Marcio
    Localização
    Curitiba
    Moto
    Bmw F800GS
    Posts
    927
    Post Thanks / Like
    Peso da Avaliação
    6
    Citação Postado originalmente por cerqueira Ver Post
    Marcio,

    no caso de tombamento da moto, teu problema seria muito mais facilmente contornado se pudesse estar acompanhado de outro/s amigos/s. Na hora do sufoco, duas mãozinhas a mais fazem uma grande diferença. Dependendo da encrenca, umas quatro a mais...experiência própria esta última!!

    Já a pilotagem acho que é por a esposa na garupa e práticar nas condições adversas até ganharem confiança. Também podem num trecho curto descer da moto e tentar passar o perrengue desmontado...às vezes é mais seguro.

    Na descida, por exemplo, pode desligar a moto, engatar primeira e vai escorregando a moto para baixo segurando na embreagem e um pouco do freio dianteiro.

    No fim, tudo é antecipação do problema. É tentar praticar antes para na hora tomar a melhor decisão.

    Abração...boas viagens com tua esposa!!
    Luiz
    Sim Luiz, no final das contas as experiências é que vão resolvendo estas questões. Mas objetivei esta discussão justamente para estimular esta troca de informações e técnicas. Este teu exemplo de engrenar a moto e descer "escorregando" eu já ouvi algo parecido mas nunca experimentei. E creio ser uma boa opção num pequeno trecho mais complicado dado que vc não se preocupa com acelerador e freio traseiro, apenas embreagem e o freio dianteiro! Boa dica!
    Abraço

  7. #7
    Piloto Nível 1 Avatar de Abreu
    Data de Ingresso
    Nov 2017
    Nome Real
    José Orlando Fidelis Abreu
    Localização
    Brasília DF
    Moto
    R 1200 GS lc
    Posts
    143
    Post Thanks / Like
    Peso da Avaliação
    1
    Citação Postado originalmente por MarcioT Ver Post
    Consideração inicial, algo que não acho legal é encontrar motociclistas que rotulam outros, e se vc tem uma big trail e não chafurda ela na primeira lama ou cova que encontrar e não faz off radical então vc é ......
    Tenho minha moto F800 por varias razões, entre elas a que gosto muito é "poder ir onde quiser" quando estou viajando. Esta é a premissa.
    Porém quando estou viajando, 99% das vezes estou com minha mulher na garupa e bagagem. Aí minha premissa começa a ter problemas.
    Ando de moto há muito tempo e me viro bem para meus padrões, vejo filmes de como levantar estas motos (sempre no chão plano e aderente, Rs), vejo muitas discussões sobre desligar ou não o ABS e filmes mostrando como andar no off de pé (sem garupa é claro e tão pouco com bagagem), mas tudo isso não faz parte da minha vida motociclistica. Pois bem, como os colegas se viram quando estão seguindo numa estradinha com garupa, bagagem piso com terra solta, pedras e precisam encarar uma grande decida / subida / se a moto cai numa decida com a frente apontando para baixo etc, etc. Quais as técnicas, os colegas usam para seguir em frente? (Acho que inclusive, nem os cursos off road a R$ 1,5 k por fim de semana prevêem isso)!
    Nem tenho a pretensão de aprender off road, mas acho hilário essa coisa de rotular quem faz ou não. As GS são motocicletas "dual purpose" (duplo proósito), mas nada obriga ninguém a andar em todos os terrenos só por tê-la. Eu mesmo, comprei pelos muitos elogios ao comportamento da moto em viagens, o que é minha praia. E se chegar a cair, peço ajuda... rsrsrsrs
    ABREU - Brasília DF
    BMW R 1200 GS

    Ex MZ 250, HONDA Strada 200, SUZUKI DR650 RSE, SUZUKI Bandit 600, KAWASAKI Vulcan 800 Classic, HONDA Falcon 400, SUZUKI Marauder 800, KAWASAKI Vulcan 750, KAWASAKI Vulcan 500, HARLEY DAVIDSON Sportster 883, SUZUKI Vstrom 650, HARLEY DAVIDSON Softail Heritage, HARLEY DAVIDSON Ultra Electra Glide 1600, HARLEY DAVIDSON Street Glide 1700, HARLEY DAVIDSON Ultra Electra Glide Classic CVO 1800, INDIAN Chieftain 1811.
    "Não leve a vida muito a sério. Você NÃO sairá vivo dela!"...

  8. #8
    Piloto Nível 4
    Avatar de MarcioT
    Data de Ingresso
    Feb 2014
    Nome Real
    Marcio
    Localização
    Curitiba
    Moto
    Bmw F800GS
    Posts
    927
    Post Thanks / Like
    Peso da Avaliação
    6
    Citação Postado originalmente por Abreu Ver Post
    Nem tenho a pretensão de aprender off road, mas acho hilário essa coisa de rotular quem faz ou não. As GS são motocicletas "dual purpose" (duplo proósito), mas nada obriga ninguém a andar em todos os terrenos só por tê-la. Eu mesmo, comprei pelos muitos elogios ao comportamento da moto em viagens, o que é minha praia. E se chegar a cair, peço ajuda... rsrsrsrs
    Penso como vc, e eu também curto as viagens!


    Enviado do meu iPhone usando Tapatalk

  9. #9
    Nível GS 2

    Avatar de sal silva
    Data de Ingresso
    Jul 2012
    Nome Real
    The last rebel
    Localização
    Santos
    Moto
    R1200gs LC ADV e NX 350 Sahara
    Posts
    8.741
    Post Thanks / Like
    Peso da Avaliação
    32
    Eu tenho o mesmo problema,sempre estou com garupa,e pior minha esposa é medrosa e em qualquer situação mais difícil quer
    descer da moto kkkkkkk.Eu falo, fica ai,senao a viagem nao rende rs.Nao tem jeito a danada nao me larga,quer ir junto até a Amazonia kkk.O assunto é bom,nunca vi cursos de pilotagem off road com garupa,acho que é pelo fato das mulheres quase nunca acompanharem seus maridos em Aventuras mais radicais e sem conforto.No caso de uma queda na descida,acho melhor engatar a marcha com ela desligada,o marido pega no guidão e suporte e faz a técnica de levantar de costas,a mulher pode ficar do outro lado puxando com ajuda de seu peso.Complicado,é por isso que como viajo sozinho com a garupatroa já estou de olho em uma Trail com boa potencia e mais leve.
    Sal Silva, the real last rebel.

    https://www.youtube.com/watch?v=_uwkiHXwhc8

  10. #10
    Piloto Nível 4
    Avatar de MarcioT
    Data de Ingresso
    Feb 2014
    Nome Real
    Marcio
    Localização
    Curitiba
    Moto
    Bmw F800GS
    Posts
    927
    Post Thanks / Like
    Peso da Avaliação
    6

    Técnicas off road para viajantes normais com garupa e bagagem!

    Citação Postado originalmente por sal silva Ver Post
    Eu tenho o mesmo problema,sempre estou com garupa,e pior minha esposa é medrosa e em qualquer situação mais difícil quer
    descer da moto kkkkkkk.Eu falo, fica ai,senao a viagem nao rende rs.Nao tem jeito a danada nao me larga,quer ir junto até a Amazonia kkk.O assunto é bom,nunca vi cursos de pilotagem off road com garupa,acho que é pelo fato das mulheres quase nunca acompanharem seus maridos em Aventuras mais radicais e sem conforto.No caso de uma queda na descida,acho melhor engatar a marcha com ela desligada,o marido pega no guidão e suporte e faz a técnica de levantar de costas,a mulher pode ficar do outro lado puxando com ajuda de seu peso.Complicado,é por isso que como viajo sozinho com a garupatroa já estou de olho em uma Trail com boa potencia e mais leve.
    Sal, temos o mesmo perfil motociclístico, nos metemos por aí e a mulher sempre junto! Rs. Quanto a levantar a moto na descida, ví um vídeo onde o cara "amarra" o freio dianteiro com uma abraçadeira plástica ( popular engasga gato) além de deixar a marcha engatada. Depois que subiu na moto, estabilizou e ligou, aperta um pouco mais a manete do freio dianteiro libera a abraçadeira e segue. Outro ponto que gera alguma discussão é, na descida instável e escorregadia, em qual freio dar mais carga ( dianteiro ou traseiro) considerando que a moto como a minha não tenha o freio Combined? Eu dou preferência para dar mais carga no freio traseiro, pois sempre temo perder a frente pois não há quem segure, mas em um vídeo gringo o cara diz que é melhor dar mais carga no freio dianteiro?!?!
    E agora?
    Rsrsrs


    Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
    Última edição por MarcioT; 13-03-2018 às 14:28.

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  
Sobre o Forum
O forum foi criado em maio de 2012, e se chamava BMW F800GS após um encontro de em Monte Verde MG, o forum começou a se tornar popular.
Completando 01 ano de forum, o forum mudou de nome e se tornou o BMW GS BRASIL devido ao grande numero de usuarios com diversas motos BMW.
Hoje o forum BMW GS BRASIL é o maior forum de BMW do Brasil, temos mais de 4 milhões de acessos, e um conteúdo rico de muita informação!
Seja bem vindo!